Nós utilizamos cookies para melhorar o nosso site e a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar no site está a concordar com a utilização de cookies. Encontra aqui mais informações sobre privacidade.

Aceitar.

De bicicleta

desde a Polónia até à Suíça

Data: 23. Janeiro 2018
Mais links:

Com Bike2RONAL demos vida a uma campanha interna da empresa na qual todos os colaboradores de todo o mundo se devem deslocar de forma a deixarem uma pegada neutra no que respeita a CO2. O nosso colega René aproveitou a ação para aliar trabalho a laser.

Com o Bike2RONAL cada quilómetro de e para o trabalho que é feito de bicicleta, a pé, de skate ou com um carro elétrico é contado e é dinamizado por equipas. O nosso colega René (Härkingen, Suíça) esteve a trabalhar durante três dias na nossa fábrica da Polónia no Outono. Na sua bagagem não tinha contudo apenas o seu Notebook…

René, conta-nos sobre a tua ação Bike2RONAL especial!

Quando viajei para a apresentação SAP na Polónia, não levei apenas o meu portátil e os documentos de trabalho mas também a minha bicicleta de estrada. Viajou comigo dentro de uma caixa de cartão no avião. Após os três dias de trabalho nas nossas fábricas em Waldenburg e Jelcz entrei de férias. Com a bicicleta de estrada, parti na sexta-feira à tarde Waldenburg e atravessei a fronteira para Jicin (Tchetchénia) e dias depois cheguei a Praga onde me encontrei com a minha namorada com o cronómetro. No domingo de manhã começámos o tour em conjunto.

E como correu a vossa viagem?

Demoramos oito dias desde Praga a casa. Passamos por Pilsen (Tchetchénia), Nuremberga (Alemanha), Memmingen e Áustria passando por Linthal (Suíça) até casa. Entre outras coisas pedalámos ao longo do Danúbio, na Polónia e na Tchetchénia em estradas secundárias tranquilas e sem GPS. Dormimos em hotéis e pousadas.

O que é que se lembra de forma mais especial?

No princípio da viagem choveu imenso. E depois tivemos um tempo espetacular até ao fim. E foi uma experiência única viajar durante onze dias levando apenas o estritamente essencial na bagagem. E o portátil tinha de estar sempre à mão! E claro que todas as noites introduzia os meus quilómetros “pedalados” para a nossa avaliação Bike2RONAL. A minha equipa «VELOcit(t)a» ficou muito contente com os 1000 km extra!