Nós utilizamos cookies para melhorar o nosso site e a sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar no site está a concordar com a utilização de cookies. Encontra aqui mais informações sobre privacidade.

Aceitar.

Tatuador de jantes Eddy

no stand da feira IAA da SPEEDLINE TRUCK

Data: 18. Outubro 2018

Além da princesa dos camiões Christina Scheib tivemos outro convidado emocionante no nosso Stand: O tatuador de jantes Eddy da Berserker Metal Tattoo & Paradise Lost Tattoo gravou no Sábado dia 22 de Setembro e no Domingo dia 23 de Setembro ao vivo algumas das nossas jantes para pesados SPEEDLINE TRUCK. Veja o resultado aqui em baixo!

O austríaco Edmund Schuster (53) foi o primeiro da Europa a especializar-se na arte de “tatuar” (ou seja gravar) jantes de camiões. No fim de semana da IAA exibiu o seu talento tatuando ao vivo no nosso stand da feira. Esteve sempre muito diligente desde o início e tatuou para nós duas rodas SLT 2907: Uma delas foi entregue como presente à princesa dos camiões Christina (nós contámos na nossa última história); a outra esteve exposta durante toda a feira no nosso stand e deixou muitos visitantes maravilhados. A jante tatuada já pronta, foi o primeiro prémio dos três prémios fantásticos que entregamos aos nossos visitantes que responderam ao questionário voluntário no nosso stand!

E claro que fizemos algumas perguntas ao Eddy.

Eddy, como e quando te surgiu a ideia de te tornares tatuador?

Tinha praticamente 17 anos de idade, quando um amigo me perguntou se eu também conseguiria tatuar o Schwert do filme “Conan, o Barbáro” que tinha desenhado por brincadeira. Dito e feito – a partir daí tudo começou. Eu tinha provavelmente um talento natural.

Como e quando surgiu a ideia de gravar jantes, especialmente jantes de camiões?

A ideia surgiu quando levei ao emprego uma grande amiga minha. Lá encontrava-se um revendedor de camiões e lá estava um lindo camião com jantes de alumínio brilhantes. Na altura pensei, faz falta ali qualquer coisa. Pedi e deram-me uma jante fantástica para experimentar – e foi assim que tudo começou. Não fazia a menor ideia da avalanche que isto ia desencadear. Fui convidado pela equipa de corridas tankpool24 para o Truck Grand Prix em Nürburgring e tinha de apresentar lá o meu trabalho. Lá encontrava-se também Uwe Springer, Sales Manager na SPEEDLINE TRUCK para a Alemanha e a Áustria. E agora estou aqui na IAA com este convite. Um presente muito excitante e muito cool para mim!

Quais são as diferenças em relação às tatuagens “normais” na pele? O que é que te diverte mais?

A grande diferença é naturalmente o “material”. As jantes não se queixam nem sangram. Divertidas são ambas; Gravar acalma-me mais.

Quanto tempo demoras a tatuar uma jante de camiões? É muito exigente? E pode fazer-se tudo a nível de designs? Quem é que te faz mais pedidos?

Depende do desenho. Uma jante de camiões completamente gravada pode demorar uma semana. Pode fazer-se tudo, desde logotipos de empresas ou palavras até retratos. Claro que a minha experiência de anos como tatuador me ajuda. Por isso percorri um caminho diferente da maior parte dos gravadores e desenvolvi uma base de clientes completamente nova. Recebo encomendas de expedições, áreas de serviço, Showtrucks e Truck Racing Teams, que desejam ter uma jante chique como decoração. Claro que sim! Pode encomendar-se basicamente tudo o tipo de desenhos. Se calhar as jantes gravadas não são adequadas para andar na gravilha, mas também faço, por exemplo, mesas engraçadas para a sala dos camionistas.

Qual é para ti a importância de ter umas jantes bonitas (seja em ligeiros seja em pesados)?

Bom, temos Airbrush e couro, cromados e Pinstriping. O próximo nível no setor do Tuning é a gravura! De futuro serão gravadas muitas peças. Desde os turbocompressores até a veículos completos. Não vou ter mãos a medir!

O que te agradou na IAA, especialmente no nosso Stand?

A feira foi fantástica, divertida e surpreendente. A equipa da SPEEDLINE TRUCK que se encontrava na feira estava organizada na perfeição. Penso que no conjunto deixamos uma muito boa impressão! Os visitantes do stand da feira ficaram fascinados, tiraram centenas de fotografias e tive conversas muito agradáveis. Um fim de semana muito cool e cheio de sucesso!